Centros estão prontos para inspecções a motociclos, mas ainda não há regulamentação

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Centros estão prontos para inspecções a motociclos, mas ainda não há regulamentação

Mensagem  Cristina Nogueira em Qua 21 Set 2016 - 9:29



Faltam cinco dias para acabar o prazo dado pelo Governo para centros criarem as condições necessárias para a realização das inspecções. Maioria está preparada, mas o Governo ainda não aprovou regras.

O Governo ainda não regulamentou a inspecção técnica a motociclos, numa altura em que faltam cinco dias para o final do prazo dado pelo Executivo para que os centros criassem as condições necessárias para a realização das inspecções.

A adaptação dos centros é obrigatória e implicou a aquisição avultada de equipamentos para os centos de inspecção com 100 metros quadrados. Para cada corredor, ou linha de verificação, os equipamentos de inspecção custaram cerca de 60 mil euros. Há casos de centros que tinham dois corredores para inspeccionar automóveis que tiveram de fechar um para o adaptar inspecção de motociclos.

O presidente da Associação de Centros de Inspecção Automóvel, Paulo Areal, avança à Renascença que, dos 190 centros que há no país, cerca de 150 já estão prontos a verificar motos, embora não façam ideia de quando vão poder arrancar com as inspecções.

"Em termos gerais, os centros de inspecção estão em condições físicas de, muito brevemente, avançarem com as inspecções aos motociclos. Já da parte do regulador, terá que definir aquilo que falta, para que efectivamente se arranque, porque a competência da definição da data do arranque das inspecções aos motociclos é do Estado, é do regulador, não é dos centros de inspecção. Mas o sector está pronto para poder arrancar com as inspecções aos motociclos", diz o dirigente.

Paulo Areal sublinha que a instalação de linhas de inspecção para motos não é facultativa e que está longe de ser um bom negócio: "O custo de uma inspecção a um motociclo é de 12,50 euros. O número previsível de motociclos com mais de 200 centímetros cúbicos de cilindrada a inspeccionar nesta primeira fase é de 80 mil motociclos. Ora, 80 mil motociclos a 12 euros e meio dá qualquer coisa como um milhão de euros de facturação por ano. Se dividirmos pelos 200 centros, estamos a falar de uma facturação média, em cada centro, de cinco mil euros, o que não é significativo."

avatar
Cristina Nogueira

Mensagens : 2322
Data de inscrição : 09/06/2013
Localização : Fanzeres-Gondomar
Marca: : Suzuki
Modelo: : Burgman AN 650

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Centros estão prontos para inspecções a motociclos, mas ainda não há regulamentação

Mensagem  zeca em Qua 28 Set 2016 - 12:53

Enquanto não sair em DR nada feito ok
avatar
zeca

Mensagens : 3928
Data de inscrição : 18/11/2010
Marca: : Piaggio
Modelo: : MP3 250

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum